REPORTAGEM ESPECIAL

Maraiwatsédé: dor e preocupação com crianças e idosos

Série de reportagens “Índios do Coração do Brasil” é uma parceria do Capital Notícia e PNB Online

Publicado em

No último episódio da série especial “Índios do Coração do Brasil” caciques e cacicas relatam a preocupação com a alimentação e saúde de idosos e crianças que vivem nas 13 aldeias da terra indígena de Maraiwatsédé, no município de Alto Boa Vista (MT).

A série ‘Índios do Coração do Brasil’ é uma parceria entre a Rádio Capital FM, sites Capital Notícia e PNB Online. São cinco matérias exclusivas sobre a história, lutas e batalhas do povo Xavante de Maraiwatsédé.

Confira abaixo na reportagem especial de Julia Munhoz e Caio Pimenta. A produção é de Pedro Pinto de Oliveira:

Reportagens especiais

Assista a primeira reportagem da série “Índios do Coração do Brasil” e entenda um pouco da história do povo Xavante da TI Maraiwatsédé.

Veja a segunda reportagem e saiba mais detalhes sobre as investigações que resultaram na Operação Res Capta.

Na terceira reportagem comerciantes de Alto Boa Vista (MT) relatam a preocupação com a fome e a economia da região.

Caciques fazem apelo para regularizar pasto na quarta reportagem da série.

Leia Também:  Advogado e esposa morrem em capotamento no interior de MT

Maraiwatsédé

O povo A’uwê-Xavante de Marãiwatsédé, após 46 anos de luta, conseguiu reaver seu território, de onde foram expulsos, com apoio governamental de então, em 1966. Desde 2012, quando se efetivou a desintrusão, este povo busca recuperar suas formas próprias de convivência com a natureza. Encontraram, contudo, uma devastação ambiental, cujo ápice se deu no início da década de 1990, justamente quando já se sinalizava a devolução do território aos seus legítimos donos.

Em 2016 foi elaborado o Plano de Gestão da TI Marãiwatsédé onde o povo A’uwê, buscando reestabelecer os fatores essenciais para a convivência em seu território, apontava passos e perspectivas para isso. Infelizmente, com o desmonte da política indigenista e as pressões que ainda seguem hoje, por parte de antigos invasores e de políticos com estes envolvidos, poucos passos foram dados no que depende das instituições federais.

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

CIDADES

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI