FG ASSESSORIA

Vereadores retornam nesta quinta sessão para votar cassação de Thelma

A prefeita é acusada de ter cometido crimes como o superfaturamento na compra de materiais.

em 14/03/2019

Vereadores decidem suspender a sessão para votar o pedido de cassação da prefeita Thelma de Oliveira (PSDB).  Sessão será retomada nesta quinta (14) às 9h.

Os vereadores de Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte) realizam uma sessão que tem como principal pauta a cassação da prefeita Thelma de Oliveira (PSDB). O relatório com as acusações começou a ser lido por volta das 18h30 de ontem (13) e a sessão se estendeu até a madrugada.

São 550 páginas que serão lidas antes que os vereadores possam votar. A prefeita é acusada de ter cometido crimes como o superfaturamento na compra de materiais, atraso no envio de informações para o Tribunal de Contas do Estado (TCE), entre outros.

Para que a cassação ocorra, é necessário que 8 dos 11 vereadores votem a favor do afastamento da gestora. De acordo com o vereador Benedito Edimilson de Freitas Filho, mais conhecido como Bozó (MDB), os votos ainda não são suficientes para a cassação.

"Deve ir até de madrugada [a sessão]. Precisamos de 8 votos e confirmados temos 6", explicou o vereador.

Outro lado

A prefeita e a assessoria de imprensa da Prefeitura foram procuradas pela reportagem, mas não atenderam às ligações.

Por: Gazeta Digital



Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias