FG ASSESSORIA

Preza nega denúncia de presidente dos Enfermeiros sobre engenheiros e diz que é 'fofoca de corredor'

Segundo Preza, há cinco engenheiros contratados, não nove, sendo dois deles são obrigados por lei.

em 14/03/2019

Em entrevista à rádio Capital FM, nesta quinta-feira (14), o ex-diretor da Santa Casa de Misericórdia, Antonio Preza, classificou como 'fofoca e conversa de corredor' a denúncia feita pelo Presidente dos Sindicatos dos Enfermeiros de Cuiabá (Sinpen), Dejamir Soares, de que existem nove engenheiros na unidade filantrópica e uma empreiteira ligada a um político mato-grossense. Segundo Preza, há cinco engenheiros contratados, não nove, sendo que dois são obrigados por lei.

“Isso é outra coisa de rádio corredor. Nunca tivemos nove engenheiros. Temos três engenheiros que fazem manutenção do prédio. Temos um engenheiro de saneamento, que trabalha com a vigilância sanitária e um do trabalho, que é obrigado a ter pela lei. Tem cinco, mas dois são pela lei, outros ficam de plantão quando tem problemas. Não tem nove”, disse o ex-diretor.

Em relação à empreiteira, o ex-diretor confirmou a existência dela, mas se limitou a dizer que a contratação ocorreu para realização de uma reforma do espaço e que ocorreu com a unidade em funcionamento, além de negar de que a empresa pertence a algum político.

Ouça o áudio da entrevista abaixo:

Áudio


Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias