FG ASSESSORIA

Lei regulamenta verba indenizatória dos vereadores sem prestação de contas em Cuiabá

Isso significa que cada vereador pode gastar os R$ 18.906,97 como quiser.

em 13/08/2019

A Câmara de Vereadores de Cuiabá conseguiu a sanção do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) para a lei que regulamenta a prestação de contas da verba indenizatória dos parlamentares. Na prática, a lei apenas formaliza o entendimento do Tribunal de Contas do Estado (TCE) de que a prestação de contas dessa verba pode ser feita apenas por relatório.

Isso significa que cada vereador pode gastar os R$ 18.906,97 como quiser e depois precisa apenas preencher um relatório onde indica os valores gastos, sem que seja necessário comprovar o uso do recurso por meio de notas e comprovantes.

Resultado de imagem para camara dos vereadores de cuiaba

Foto: Reprodução

A regulamentação foi aprovada por unanimidade pelos vereadores durante sessão em 18 de julho. A matéria altera a lei 5.643/2013 e segundo a assessoria da Câmara de Vereadores, a mudança ocorreu apenas para adequar a legislação após a declaração de inconstitucionalidade da lei 5826/2014, que regulamentava a matéria.

O valor disponibilizado mensalmente para os vereadores tem o objetivo de custear gastos com a realização da atividade parlamentar, como passagens, diárias, alimentação e outras despesas.

Por: Gazeta Digital



Tags

Deixe seu comentário!


Mais Notícias