Emanuel Pinheiro confirma articulações com Fagundes e Leitão para 2022

O prefeito de Cuiabá reforça que sua prioridade é a vacinação dos cuiabanos, mas defendeu um “modelo diferente do que está aí”

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), mudou a conversa sobre as eleições do próximo ano e confirmou articulações com algumas lideranças políticas estaduais. Emanuel reforçou que sua prioridade é a vacinação da população cuiabana, entretanto, defendeu um “modelo diferente do que está aí”.

“Eu defendo um modelo diferente do que aí está ofertado ao estado, e um modelo que contemple as forças políticas democráticas, dos segmentos organizados da sociedade que vai desde o setor produtivo aos servidores públicos ativos e inativos e que possamos fazer, escrever uma agenda positiva para Mato Grosso com um novo modelo de desenvolvimento econômico e social para o estado. Então essa é a minha posição e dessa forma estamos conversando, trocando ideias, mas a prioridade é a vacinação da população”, declarou Emanuel durante a inclusão de outros grupos prioritários de vacinação em Cuiabá nesta segunda-feira (04.05).

Pinheiro adiantou três políticos, de partidos diferentes, que iniciaram diálogo com ele sobre os rumos de 2022, mas disse que existem outros três nomes que ainda não pode revelar à imprensa. “Wellington Fagundes do PL, Nilson Leitão do PSDB, Emanuelzinho do PTB e outras três lideranças políticas que ainda não podia revelar o nome”, disse.

Até este momento, Emanuel tinha evitado falar abertamente sobre o cenário político de 2022 com a retórica que neste momento estava dedicado ao controle da covid-19 em Cuiabá. Durante coletiva com a imprensa, Emanuel reforçou mais uma vez, que a prioridade 1 é a ampla vacinação da população cuiabana.

“Quero deixar claro que a minha prioridade é o enfrentamento à Covid-19 e a vacinação da população cuiabana. Essa é a prioridade e é a agenda 001 do prefeito de Cuiabá. Entretanto, forças políticas nos procuram e é natural que queiram discutir o processo”, completou.

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), mudou a conversa sobre as eleições do próximo ano e confirmou articulações com algumas lideranças políticas estaduais. Emanuel reforçou que sua prioridade é a vacinação da população cuiabana, entretanto, defendeu um “modelo diferente do que está aí”.

“Eu defendo um modelo diferente do que aí está ofertado ao estado, e um modelo que contemple as forças políticas democráticas, dos segmentos organizados da sociedade que vai desde o setor produtivo aos servidores públicos ativos e inativos e que possamos fazer, escrever uma agenda positiva para Mato Grosso com um novo modelo de desenvolvimento econômico e social para o estado. Então essa é a minha posição e dessa forma estamos conversando, trocando ideias, mas a prioridade é a vacinação da população”, declarou Emanuel durante a inclusão de outros grupos prioritários de vacinação em Cuiabá nesta segunda-feira (04.05).

Pinheiro adiantou três políticos, de partidos diferentes, que iniciaram diálogo com ele sobre os rumos de 2022, mas disse que existem outros três nomes que ainda não pode revelar à imprensa. “Wellington Fagundes do PL, Nilson Leitão do PSDB, Emanuelzinho do PTB e outras três lideranças políticas que ainda não podia revelar o nome”, disse.

Até este momento, Emanuel tinha evitado falar abertamente sobre o cenário político de 2022 com a retórica que neste momento estava dedicado ao controle da covid-19 em Cuiabá. Durante coletiva com a imprensa, Emanuel reforçou mais uma vez, que a prioridade 1 é a ampla vacinação da população cuiabana.

“Quero deixar claro que a minha prioridade é o enfrentamento à Covid-19 e a vacinação da população cuiabana. Essa é a prioridade e é a agenda 001 do prefeito de Cuiabá. Entretanto, forças políticas nos procuram e é natural que queiram discutir o processo”, completou.

Leia também

Deixe seu comentário!