Técnico recebeu proposta do Cruzeiro nesta quarta-feira (14) e comunicou a diretoria Auriverde que opta por continuar no cargo

Diretoria do Cuiabá vê como sensata decisão de Chamusca em permanecer no Dourado

 

 

 

 

 

 

 

Foto: Técnico Marcelo Chamusca, do Cuiabá Esporte Clube - AssCom Dourado

Marcelo Chamusca é mais um técnico que interessava ao Cruzeiro, porém sua decisão imediata foi de permanecer no comando do Cuiabá Esporte Clube, que atualmente está na liderança isolada da Série B do Campeonato Brasileiro, com 32 pontos. É isso que Chamusca comunicou à diretoria do Auriverde.

Para o vice-presidente do Cuiabá, Cristiano Dresch, a decisão foi sensata, pois apesar do Cruzeiro ser uma equipe tradicional, de muita história, o Dourado vem em um grande momento na busca pelo acesso à Série A.

“A situação do Cruzeiro é difícil. Infelizmente deixaram chegar numa situação difícil de reverter. Lógico que Cruzeiro é Cruzeiro, e o Cuiabá é o Cuiabá, tem uma diferença enorme. Acho que o Chamusca tomou uma decisão sensata, pensando no restante do campeonato”, disse o vice-presidente ao Olhar Esportivo.

De acordo com o técnico que completou um ano no comando do time mato-grossense nesta semana, o pensamento no momento é um só. “Esse assunto já foi. Pensando no Paraná, que é na quarta-feira”, resumiu Chamusca se referindo ao próximo confronto-direto.

Além de Chamusca, o Cruzeiro também tentou a contratação de mais dois técnicos da Série B, Lisca (América-MG) e Umberto Louzer (Chapecoense). A Raposa busca contratar o experiente técnico Luiz Felipe Scolari (Felipão).

Por: Pedro Lima 

Leia também

Deixe seu comentário!