e vai às oitavas de final da Copinha

Corinthians vence o Juventude

LANCE!

CORINTHIANS 3x1 JUVENTUDE (Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians)

© Fornecido por LANCE! CORINTHIANS 3x1 JUVENTUDE (Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians)

Sem fazer muito esforço, mas com sabedoria a garotada do Corinthians garantiu a classificação às oitavas de final da Copinha. Nesta segunda-feira, o Timãozinho venceu o Juventude por 3 a 1, no estádio do "Lanchão", em Franca, São Paulo, pela terceira fase da competição. Sandoval abriu o placar, Rafael e Richard ampliaram o marcador. No fim, Jair diminuiu a vantagem, mas sem esperanças para buscar o empate.

Com o resultado, os paulistas mantiveram a invencibilidade (quatro vitórias e um empate), enquanto os gaúchos amargaram o primeiro revés e, consequentemente, a eliminação (três vitórias, um empate e uma derrota). Agora, o Corinthians encara o Mirassol na próxima fase da competição e segue invicto na Copinha. Mais cedo, o Leão venceu o Joinville por 2 a 0 e garantiu a classificação, nesta segunda-feira.

O JOGO

O início até a metade do duelo rendeu poucas emoções dos dois lados. O Corinthians manteve a posse a bola, porém tinha poder de finalização escasso, enquanto o Juventude era tímido nos contra-ataques. Porém, ao final da etapa inicial, teve ânimo. Aos 37, Daniel Marcos avançou pela direita e cruzou na área. Sandoval sob bem e cabeceia no fundo do gol. E não demorou muito para ampliar. Rafael pegou o rebote do goleiro para marcar o segundo gol da equipe paulista. O goleiro Guilherme, praticamente, não trabalhou.

Diferente da primeira etapa, a partida começou animada. E a garotada alvinegra colocou uma "ducha de água fria" nos guris do Juventude logo aos 3 minutos. Richard arriscou um belo chute no ângulo para balançar a rede e colocar um pé nas oitavas de final. Depois do gol, os gaúchos tentaram esboçar uma reação, porém pecaram no último passe – o que facilitou as coisas para o time comandado por Dyego Coelho.

Apesar da vontade, o Juventude não conseguiu evitar a eliminação. Os jogadores de frente finalizaram com mais frequência, porém o perigo era quase inexistente. Foi o zagueiro Jair que balançou as redes no fim, porém sem grandes ambições. Deste modo, o Corinthians apenas cadenciou a partida para confirmar a classificação.

Leia também

Deixe seu comentário!