Na próxima segunda-feira (8), uma reunião foi marcada para discutir o indicativo de greve

Com salários atrasados, médicos de VG ameaçam greve

Por Ariana Martins

Em comunicado divulgado na manhã desta quarta-feira (3), médicos denunciaram ao Sindicato dos Médicos de Mato Grosso (Sindimed), que não receberam pagamento pelos plantões extras, verbas e auxílios.

Na próxima segunda-feira (8), os médicos que atuam na rede pública de Várzea Grande, vão se reunir para discutir o indicativo de greve.

Em nota, o diretor de Comunicação do Sindimed-MT, Adeildo Lucena, disse que os profissionais tem atuado exaustivamente, além de terem contas pra pagar. Lucena também diz que uma possível greve não está descartada.


Diretor de Comunicação do Sindimed-MT, Adeildo Lucena / Foto: Capital Notícia

“Os médicos estão trabalhando exaustivamente e precisam receber como todo mundo tem contas para pagar.  E caso a prefeitura não apresente uma solução a categoria não descarta discutir um indicativo de greve”, disse Lucena.

Além da falta de pagamento, outras questões foram levantadas pela categoria como falta de condições de trabalho, insalubridade, falta de leitos para internação de pacientes e auxílio Covid. (Com informações da Assessoria)

 

Em resposta ao site Gazeta Digital, a prefeitura de VG informou que as demandas dos médicos serão avaliadas pelo Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus ainda hoje (3). (Com informações do Gazeta Digital)

Leia também

Deixe seu comentário!