Capital Notícia
fugitivo de penitenciária

Fugitivo de penitenciária morre após confronto com Força Tática

fugitivo de penitenciária

O fugitivo West Junio Nunes Gama, de 34 anos, um dos 14 que fugiram da Penitenciária Major PM Zuzi, em Água Boa (distante a 730 km de Cuiabá), morreu na noite dessa quarta-feira (12.01), após trocar tiros com policiais da Força Tática no município de Canarana.

Policiais receberam a informação de que um dos detentos estaria às margens da BR-158, próximo a uma fazenda onde, dois dias antes, aconteceu uma tentativa de assalto. Em diligências até o local, os agentes identificaram o fugitivo andando na MT-326, seguindo sentido ao município de Canarana.

Leia também: Homem é preso por tráfico de drogas

Durante a tentativa de abordagem, o suspeito, que estava armado, apontou a arma para os policiais. Foi ordenado que ele abaixasse o revólver, mas West não obedeceu às ordens da Força Tática, que atirou contra o rapaz.

West foi socorrido e encaminhando ao Hospital Municipal de Canarana, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito. Polícia Civil investiga o caso.

A Fuga

Pelo menos 14 detentos fugiram da Penitenciária Major Zuzi em Água Boa (736 km de Cuiabá) na noite de segunda-feira (03.01). De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), os fugitivos cavaram um túnel subterrâneo para a fuga.

Os agentes penitenciários que trabalham na unidade souberam da fuga durante a manhã. Foi feita uma varredura no local, mas nenhum dos suspeitos foi localizado até agora.

A secretaria confirmou 14 fugas, no entanto, o sindicato acredita que esse número pode ser maior.

Detentos capturados

Até o momento, três detentos foram capturados. Os homens foram identificados como Thiago Ferreira de Araujo, Luan Carlos Valentim de Souza e Leonardo Gabriel dos Santos.

Eles foram encontrados na manhã de segunda (10.01) durante buscas da força tarefa da Segurança na zona rural de Canarana, 91 quilômetros do local da fuga.

Com a morte de West, o número de foragidos passa para 10.

Conforme a Sesp, os foragidos são identificados como: Amarildo Roberto da Silva Junior, Cleverson Alves da Silva, Edinei Abrão Rodrigues, Euziques Matos da Silva Neto, Gederlan da Silva Souza, Helio Candido Fernandes, Joab da Silva Pontes, Maykon José Cohgi, Robson Ferreira de Souza e Thiago Vinicius Barbosa da Silva.